O entrelaçamento entre metodologias e tecnologias digitais na formação inicial de professores de matemática

Edrier José QUINTILIANO DE OLIVEIRA, Tiago Dziekaniak FIGUEIREDO

Resumo


RESUMO: É perceptível nos espaços educativos uma grande quantidade de recursos digitais disponíveis como computadores, projetores entre outros. A presença dessas tecnologias digitais já vem sendo percebida e reconhecida por parte de alguns professores e alunos. As tecnologias digitais estão cada vez mais presentes na vida escolar de professores e alunos, seja por parte das escolas que vem ao longo dos anos disponibilizando essas tecnologias ou por meio dos alunos os quais estão inserindo essas tecnologias de forma natural por viverem em uma cultura digital e fazerem uso cotidianamente destes recursos. É sabido que para o trabalho pedagógico envolvendo o uso das tecnologias digitais não basta apenas olhar para o uso da tecnologia de forma isolada, mas sim fazer com que estas ferramentas sejam utilizadas como artefatos capazes de potencializar e dinamizar a ação docente como suporte as metodologias de ensino. Neste contexto, este trabalho tem como objetivo compreender o que pensa e faz o coletivo de licenciandos em matemática sobre o uso pedagógico das tecnologias digitais. O trabalho é de cunho qualitativo pela necessidade de compreender como as pessoas experimentam, interpretam e atuam com as tecnologias digitais constituindo e modificando uma cultura, porque queremos entender o fenômeno a partir da perspectiva de um grupo de futuros professores de matemática, que são 12 licenciando do curso de matemática da (UFGD) e que cursaram a disciplina informática na educação matemática no primeiro semestre de 2017. Com os dados coletados através das avaliações dissertativas desses alunos estamos atualmente tabulando estes dados e organizando-os por meio do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC) e posteriormente iremos analisar estes discursos. Desta forma, por meio da pesquisa feita com sujeitos ainda na formação inicial buscamos contribuir para a melhoria da qualidade do ensino da matemática, já que os sujeitos em formação futuramente serão os professores atuantes na Educação Básica.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.