A LEITURA E A PRODUÇÃO TEXTUAL ATRAVÉS DO GÊNERO POESIA

Stelamaris da Silva FERREIRA, Elifalete da SILVA

Resumo


Este trabalho abarca a experiência de ensino de gêneros literários aos alunos do Ensino Fundamental e Médio da E. E. Dolor Ferreira de Andrade, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, no subprojeto "Leitura e produção textual na formação e na prática docente do professor iniciante de português: uma proposta de ensino a partir da diversidade textual", desenvolvida pelo PIBID Letras/Espanhol da UEMS. Desde os prelúdios do Ensino Básico até o Ensino Superior presenciamos estudantes que por razões variadas não têm contato assíduo com textos qualitativos, tampouco com a heterogeneidade de nossas manifestações literárias. Com a inserção do PIBID em Letras na escola acima citada, criou-se o espaço propício para a formação de leitores e produtores de textos abalizados e críticos, para tal, foi escolhido o gênero poesia, sob o subsídio teórico de autores que discutem essa temática de modo reflexivo, dentre eles Hélder Pinheiro, Alfredo Bosi, Norma Goldstein, entre outros. Por meio de leituras e declamações de poemas, análises e diálogos, objetivamos oferecer o suporte necessário para que os alunos tivessem estímulos e produzissem textos que expressassem suas opiniões, seus argumentos e críticas a partir dos diversos temas das poesias e, inclusive, que produzissem seus poemas também. Intentamos frisar neste artigo que a dificuldade de inclusão da poesia em sala de aula não possui um culpado, todavia se observa uma concomitância de falhas na educação brasileira, contudo salientaremos a problemática no texto sob a perspectiva que vivenciamos no Projeto.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.