DA LEITURA À PRODUÇÃO DO CONTO NA ESCOLA

Gustavo Alberto Pereira dos Anjos, Elma Luzia Corrêa Scarabelli, Wildilene Pereira Moreira

Resumo


O trabalho em questão visa mostrar a tentativa de um impulso aos alunos do 2º ano do
Ensino Médio  da  Escola  Estadual  Presidente  Tancredo  Neves  de  Dourados MS  em  suas
condições de leitores. Através do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência, o
projeto “A hora do conto. Que horas são?” constitui-se de uma familiarização com o gênero
Conto  para  uma  posterior  produção  do  mesmo  pelos  alunos.  A  união  dos  conteúdos
apresentados em sala com o conhecimento de mundo de cada aluno é  fundamental para que
haja  a  extração  da  criatividade  do  aluno  aliada  ao  que  ele  presencia  e  internaliza  em  sala
durante os encontros. Desse modo, é esperada uma leitura que permita a criticidade por parte
do  estudante,  a  contextualização  dos  elementos  contemporâneos,  bem  como  a  produção  de
textos  adequadamente  coerentes  neste  gênero.  O  conto,  por  se  tratar  de  uma  narrativa  de
menor extensão, é perfeitamente uma  ferramenta  introdutória na  formação de um  leitor, e o
uso  desta  modalidade  textual  aqui  serve  para  colaborar  com  maior  expressividade  na
educação escolar. Como colaborador deste projeto, busco proporcionar apoio aos alunos em
sua formação cultural para a leitura e criação de universos no âmbito textual.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.