SUBJETIVIDADES EM TORNO DO PROFESSOR E DO ALUNO: REFLEXÕES A PARTIR DE PAULO FREIRE

Autores

Resumo

As obras de Paulo Freire manifestam em palavras os anseios de muitos educadores críticos. Esse fenômeno de identificação com o pensamento freiriano, agora centenário, possibilita encontros demasiadamente férteis para a produção de conhecimento na pedagogia crítica. Na análise da obra Pedagogia da Autonomia, buscando refletir sobre a perspectiva de Freire sobre a relação professor-aluno, encontramos com pensamento de Jacques Rancière, tendo como articulação apresentada por Walter Kohan o princípio de igualdade em que se baseia essa relação. Esse trabalho, resultado parcial de uma outra pesquisa, buscou subsidiar as subjetividades que surgem ao se pensar os papéis assumidos pelo professor e pelo aluno ao engajarem na educação dialógica proposta por Paulo Freire.

Downloads

Publicado

11/07/2021

Como Citar

MELO, J. da S. (2021). SUBJETIVIDADES EM TORNO DO PROFESSOR E DO ALUNO: REFLEXÕES A PARTIR DE PAULO FREIRE. ANAIS DO SEMINÁRIO FORMAÇÃO DOCENTE: INTERSECÇÃO ENTRE UNIVERSIDADE E ESCOLA, 4(4), p. 1– 7. Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/seminarioformacaodocente/article/view/7519