NARRATIVA AUTOBIOGRÁFICA SOBRE O ESTÁGIO REMUNERADO

Autores

Resumo

A investigação em tela está inscrita no campo das pesquisas autobiográficas. Tem como objetivo analisar o processo de formação inicial a partir da experienciação no estágio remunerado. Para tanto, a autora apresenta a narrativa autobiográfica acerca de sua experiência na Educação Básica como participante em programas de estágio extracurricular. A narrativa salienta as contribuições do Programa Institucional de Iniciação à Docência – PIBID como parte integradora e reflexiva de um processo de formação inicial e também do desenvolvimento profissional posterior. Sobretudo, evidencia, as significações, os enfrentamentos e as problematizações das vivências advindas do vínculo com o estágio não-obrigatório através do exercício na função de Apoio da Educação Especial. Como resultado, se considera que o estágio remunerado, é uma atividade que suscita a reflexividade e aprendizagem do aluno através do dialogismo entre teoria e prática. Por outro lado, é também visto como meio de precarização e obtenção de lucros por parte de empresas concedentes, devido ao uso da mão de obra estudantil sob o viés de inserção no mercado de trabalho e a ocupação de estagiários em postos de trabalhos destinados ao profissional capacitado.

Biografia do Autor

Laura Sousa Assis, Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD)

Mestranda no Programa de Pós-graduação em Educação pela Universidade Federal da Grande Dourados.

Publicado

11/07/2021

Como Citar

Sousa Assis, L. (2021). NARRATIVA AUTOBIOGRÁFICA SOBRE O ESTÁGIO REMUNERADO. ANAIS DO SEMINÁRIO FORMAÇÃO DOCENTE: INTERSECÇÃO ENTRE UNIVERSIDADE E ESCOLA, 4(4). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/seminarioformacaodocente/article/view/7488