A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES NO MUNICÍPIO DE CAARAPÓ-MS

Angela Hess GUMIEIRO

Resumo


RESUMO: O artigo trata de reflexões sobre as ações de formação continuada de professores no munício de Caarapó-MS. Realizamos o estudo com os professores de língua portuguesa do Ensino Fundamental II. Trata-se de um estudo de natureza qualitativa. Constatamos que a formação oferecida pela Secretaria Municipal de Educação é caracterizada fortemente por cursos e palestras, que atualizam de certa forma o professor, ou seja, informam, mas não possibilitam um adequado espaço para a reflexão e o fortalecimento do coletivo escolar As ações formativas são fragmentadas, pontuais, com data, local e temáticas previamente definidas pela secretaria, sem a participação direta na sua concepção das escolas e dos professores e não geram compromissos no sentido da melhoria contínua da prática pedagógica, nem por parte da Secretaria de Educação, nem dos envolvidos nas ações. A concepção de professores e gestores é que a formação continuada é uma atualização rápida que contribui significativamente para a mudança da prática pedagógica. O resultado deste estudo aponta para necessidade de vivências no âmbito das escolas que ampliem a participação política dos atores sociais, possibilitando assim criar bases tanto para fazer cumprir o princípio constitucional da gestão democrática, como qualitativamente na construção de uma escola democrática e inclusiva.  

PALAVRAS-CHAVE: Formação Continuada.  Professores. Ações Formativas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.