A REPRESENTATIVIDADE E VALORIZAÇÃO DA CRIANÇA NEGRA NOS LIVROS PARADIDÁTICOS DO ESTADO – MS: UMA ANÁLISE DA COLEÇÃO “OUTRAS HISTÓRIAS… CULTURAS AFRO-BRASILEIRAS E INDÍGENAS” (1990-2018).

Josimary Batista Mariano Ramires

Resumo


Resumo: Esta comunicação refere-se a um projeto inicial de pesquisa que tem por objetivo analisar a representatividade e valorização das crianças negras nos Livros Paradidáticos (LP), no período de 1970 a 2018. Para a referida análise, pretende-se compreender como a criança negra está representada nos livros. Propondo como objeto de pesquisa a análise dos modos como são representados as questões identitárias dos povos africanos e afro-brasileiros com ênfase na imagem das crianças negras da coleção “Outras Histórias…Culturas Afro-brasileiras e Indígenas”. Ao discutir essas obras literárias como parte dos materiais escolares paradidáticos, que tem dentre as suas finalidades destacar a importância dos conteúdos para as instituições escolares em consonância com a prática dos professores, contribuindo com os conhecimentos socioculturais trazidos pelos alunos/as. Pautamos então na problemática da pesquisa: O que são Livros Paradidáticos? E qual conceito histórico dos Livros Paradidáticos para formação dos indivíduos? Como os Livros Paradidáticos da Coleção “Outras Histórias… Culturas Afro-brasileiras e Indígenas” vem sendo trabalhados nas práticas dos professores? Como se configura a imagem da criança negra no contexto social por meio dos Livros Paradidáticos especificamente na coleção “Outras Histórias… Culturas Afro-Brasileiras e Indígenas”?
Com base nas Leis nº10.639/03 e 11.645/08 que altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) Lei nº 9.394/96 que tornou obrigatório o ensino da história e da cultura africana e afro-brasileira. Pretende-se verificar o surgimento e a circulação desse material, bem como da coleção “Outras Histórias...Cultura Afro-brasileira e Indígenas”. Assim propondo ressaltar a importância de publicar mais materiais sobre a História da África, Cultura Afro-brasileira e indígena no sentido de, contribuir para o ensino na educação básica, na perspectiva de melhorar o ensino-aprendizagem nas escolas públicas e particulares sobre o ensino das relações étnicos e raciais.  

Palavras-chave: Livros Paradidáticos. Representatividade. Povos Africanos. Criança Negra. Cultura Afro-Brasileira

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.