RESIDÊNCIAS INCLUSIVAS

Cassia Aparecida Pedroso, Mirlene Ferreira Damazio

Resumo


Resumo: As pessoas com deficiência passaram por períodos que foram desde a eliminação,passando pelo abandono, segregação, assistencialismo e inclusão. E ainda nos dias atuais acabam em instituições que deveriam oferecer a elas o tratamento mais adequado para além das para suas moléstias, no entanto o que se observa são situações que acabam por priva–las de oportunidades de uma vida melhor. O Sistema Único de Assistência Social (SUAS) elaborou o Plano Viver sem Limites, que em um de seus objetivos visa a desinstitucionalização de jovens e adultos com deficiência, transferindo-os para o Projeto de Residências Inclusivas, buscando sanar essa falha no decorrer da história, oferecendo a essas pessoas oportunidades de desenvolvimento físico, mental e social, preparando-as para uma vida independente e digna. Este trabalho é de cunho bibliográfico e buscou agrupar literaturas que abordam o tema: residências inclusivas. Esse trabalho conclui que a melhor maneira de oferecer experiências que desperte no sujeito independência e empoderamento, é que ele
esteja em um ambiente acolhedor, respeitoso, onde uma perspectiva inclusiva, personalizada e adequada contribua para a eficácia desse processo.


Palavras-chave: Residências Inclusivas. Desinstitucionalização. Inclusão


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.