A história da formação continuada do docente no Brasil

Carla Cristina Zurutuza, Altamir Botoso

Resumo


Neste artigo, objetivamos enfocar a história da formação continuada do docente no Brasil, apontar a importância da formação continuada no processo do desenvolvimento profissional da docência, a partir da implementação da Lei de Diretrizes Brasileira, ou seja, a legislação impulsionou a formação continuada de professores no Brasil. Pautar-nos-emos pelos estudos de teóricos que abordem as questões referentes desde história da Educação do Brasil até o momento de incentivo para a formação continuada. Textos com os estudos de (FREIRE, SAVIANI), a dimensão histórica acerca da formação docente (ALVES, MOREIRA), a importância do estágio e docência (PIMENTA, LIMA), além de outros textos que possam contribuir significativamente para a compreensão do objeto, sobretudo, o que diz respeito à análise da história da formação continuada do docente no Brasil (GATTI, QUEIROZ). Destacando alguns aspectos históricos da formação continuada do docente no Brasil, aportar a importância dessa formação que tem sido entendida hoje como um processo permanente e constante de aperfeiçoamento dos saberes devido os atrasos que tivemos na História da Educação no Brasil. A metodologia utilizada foi no aporte teórico e na análise dos dados coletados por meio de observações e entrevista realizada com professora durante o período de estágio na escola. Observamos a Lei de Diretrizes que consagra a formação humanista do docente; a formação do docente abrange as práticas onde se aplica grande parte do conteúdo ministrado pelos professores dentro da sala de aula ao longo do curso. Os princípios teóricos estudados e, assim, o trabalho aprendido em sala de aula demonstra o quanto é enriquecedor e importante na formação acadêmica e profissional do aluno. Os estudos sobre formação continuada implicam em um conhecimento das relações que a estruturam como, por exemplo, considerar o professor como sujeito e a escola como espaço de formação; analisar situações do cotidiano do ambiente escolar. O estágio curricular em si trata-se da experiência no campo profissional promovendo a integração entre a universidade e a comunidade. Por fim, percebemos a formação inicial, os caminhos e desafios da formação continuada do docente no Brasil, o aperfeiçoamento, aquisição de saberes e a integração de conhecimentos, preparando os futuros professores para dialogarem com a nova realidade da sala de aula.

Palavras-chave


ormação Continuada do Docente; Educação; Escola.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Gilberto Luiz. Nasce uma nova Instituição Educacional. Intermeio: revista do Mestrado em Educação. Campo Grande, MS, 4(8): 6-17, 1998.

BITTAR, Marisa. História da educação: da antiguidade à época contemporânea. São Carlos: EdUFSCar. 2009. 113 p. (Coleção UAB-UFSCar).

BOSI, Alfredo. História concisa da Literatura Brasileira. 51. ed. São Paulo: Cultrix, 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Pró-Letramento – Apresentação. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/pro-letramento. Acesso em: 12/09/2019.

BRASIL. Presidência da República. Lei n.º 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as Leis de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Brasília, DF, 1996. Disponível em: https://www2.senado.leg.br/bds/bitstream/handle/id/70320/65.pdf. Acesso em: 12 Abr. 2019.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia. 23. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2002.

GATTI, Bernardete Angelina. Análise das políticas públicas para formação continuada no Brasil, na última década. Rev. Bras. Educ. [online]. 2008, vol. 13, n. 37, p. 57-70. ISSN 1413-2478. http://dx.doi.org/10.1590/S1413-24782008000100006. Acesso em: 12/09/2019.

MOREIRA, Carlos Eduardo. Formação continuada de professores: entre o improviso e a profissionalização. Florianópolis: Insular, 2002.

QUEIROZ, Dáugima Maria Santos. Projeto de Trabalho: Uma alternativa pedagógica na formação inicial do professor. In: OSÓRIO, Alda Maria do Nascimento. Trabalho Docente: os professores e sua formação. Campo Grande: UFMS, 2013. 240 p. (Estudos em educação)

SAVIANI, Dermeval. História das idéias pedagógicos no Brasil. Campinas: Autores Associados, 2007.

SAVIANI, Dermeval. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 8. ed. rev. e ampl. Campinas: Autores Associados, 2003. (Coleção educação contemporânea).


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Anais do Congresso de Pesquisas em Linguística e Literatura