CONVERSANDO SOBRE AS PLANTAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Autores

  • Juliana Viegas Santos
  • Giani Lopes Bergamo Missirian
  • Elizabete Velter Borges
  • Marlene Santo Pietro

Resumo

O estágio supervisionado faz-se necessário no processo de formação docente, pois aproxima o
futuro profissional ao seu campo de atuação. Nesse contexto, o presente trabalho teve por objetivo
analisar as atividades vivenciadas durante o estágio supervisionado em uma turma de Pré I, no
município de Dourados, MS, entre setembro e novembro de 2018, totalizando 20 horas. A turma
tinha 15 crianças, com faixa etária de 4 a 5 anos. O tema trabalhado foi as plantas, que teve a
finalidade de conhecer como nascem e sobrevivem. Primeiro, no pátio do Centro de Educação
Infantil Municipal (CEIM) foi contada a história “Sementinha Bailarina” com palitoches, em que as
crianças interagiram. Elas foram estimuladas a observarem o ambiente “natural” (plantas e frutos) e
depois semearam sementes de alpiste em garrafas pet com terra para entenderem como as plantas
sobrevivem, precisando de cuidados como água e luz. Na sequência coletaram diferentes folhas que
encontraram no pátio para fazer a atividade de frotagem com giz de cera. No desenho de um tronco
de uma árvore pintaram e colaram folhas secas, algumas desenharam frutas. Posteriormente, em
uma árvore de EVA, no chão, colocaram laranjas conforme a quantidade pedida, trabalhando a
matemática. Elas replantaram o alpiste que morreu por causa do excesso de chuva e a falta dos furos
no fundo das garrafas, tornando-se uma experiência bastante significativa, pois as crianças
entenderam que o excesso ou a falta de água e sol podem matar as plantas. Conversou-se sobre
quais árvores frutíferas que conheciam e quais frutas mais gostavam e fez-se uma brincadeira
degustativa com frutas variadas. Uma criança por vez, com os olhos vendados, provou um pedaço
de fruta colocado em sua boca para adivinhá-la. Após, fez-se um piquenique no gramado do CEIM.
Além disso, todas as crianças ajudaram a fazer o bolo de maçã trabalhando a quantidade dos
ingredientes. Confeccionou-se um jogo da memória com materiais recicláveis (Cds), cada criança
recebeu um par de imagens de frutas para colorir e outro colorido, pintaram, recortaram e colaram
no cd. Posteriormente, aguaram o alpiste semeado nas garrafas pet e decoraram. As crianças
participaram, envolvendo-se significativamente em todas as atividades desenvolvidas, superando
algumas dificuldades, interagindo com os colegas e professora. Portanto, pode-se afirmar que o
estágio na Educação Infantil foi importante para a futura atuação como pedagogo, mostrando os
desafios do dia a dia, que é preciso ter qualificação e criatividade para melhor atender as
especificidades de cada criança.

Downloads

Publicado

01/11/2019

Como Citar

Santos, J. V., Missirian, G. L. B., Borges, E. V., & Pietro, M. S. (2019). CONVERSANDO SOBRE AS PLANTAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL. ANAIS DO EGRAD, 6(9). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/egrad/article/view/5975

Edição

Seção

CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)