ATIVIDADES EDUCATIVAS PARA IMPLANTAÇÃO DA SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA MICRO REGIÃO DE DOURADOS

Autores

  • Cassia Barbosa Reis
  • Margareth Soares Dalla Giacomassa Giacomassa
  • Alisson Cardoso de Oliveira Jales
  • Valéria Barros Oliveira

Resumo

Introdução:  A enfermagem, desde seus primórdios, bem acumulando um corpo de conhecimentos, técnicas e teorias relacionadas entre si que seguem um método organizado que proporciona estrutura lógica denominado Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE). Este método é regulamentado pela Lei do Exercício Profissional da Enfermagem (Lei 7.498 de 1986) e deve ser aplicado privativamente pelo enfermeiro em todos os serviços de saúde. Sabe-se que 7o% dos procedimentos na área da saúde são realizados pela equipe de enfermagem, sendo que menos de 40% é registrado, o que demonstra o desafio para os profissionais na incorporação das suas práticas nos diversos campos de atuação da enfermagem. Assim, o presente projeto pretende diminuir esta lacuna entre a prática e a documentação desta prática, implantando a SAE nos serviços de saúde onde não está sendo observada a legislação vigente do Conselho Federal de Enfermagem (Resolução 358/2009). Objetivos: Implantar a SAE na Microrregião de Dourados utilizando a terminologia da Classificação Internacional para Práticas de Enfermagem (CIPE). Capacitar os profissionais de enfermagem atendimento sistematizado e utilização da terminologia no prontuário eletrônico do cidadão (PEC). Metodologia: A proposta consiste em reunir os profissionais desses municípios e realizar capacitações sobre a SAE e CIPE, para que os mesmos consigam com maior facilidade a sua realização na assistência e a prática da CIPE. Oferecendo mais autonomia para a classe de enfermagem e mais reconhecimento do trabalho e assistência realizada. Resultados: Foram realizadas reuniões mensais em dois municípios de pequeno porte da microrregião de Dourados (Aral Moreira e Caarapó) no período de abril de 2018 a junho de 2019. Em todos as reuniões foram utilizadas metodologias ativas para a discussão dos temas relacionados á SAE. Após o devido aporte teórico foram realizadas consultas de enfermagem supervisionadas com a utilização de subconjuntos terminológicos da CIPE, nas unidades de saúde da família e no hospital municipal de Aral Moreia. Conclusões: Durante as atividades realizadas pode-se observar a necessidade de atualização constante já que muitos conceitos e práticas da enfermagem são relegadas a segundo plano entre as diversas atividades atribuídas ao enfermeiro nos pequenos municípios. A implantação da SAE promoveu o empoderamento do profissional enquanto facilitou a realização das etapas do processo de enfermagem e os devidos registros, tanto em prontuário eletrônico quanto em prontuário físico. O uso de atividades teóricas concomitante às atividades práticas e técnicas educativas de metodologias ativas facilitou a aprendizagem e a incorporação do processo de enfermagem na rotina dos serviços.

Downloads

Publicado

01/04/2020

Como Citar

Reis, C. B., Giacomassa, M. S. D. G., Jales, A. C. de O., & Oliveira, V. B. (2020). ATIVIDADES EDUCATIVAS PARA IMPLANTAÇÃO DA SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NA MICRO REGIÃO DE DOURADOS. ANAIS DO SEMEX, (12). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/semex/article/view/6823

Edição

Seção

SAÚDE