Educação de Jovens e Adultos: reconfiguração de um público

Autores

  • Silvana Ferreira Machado

Resumo

Criada para atender a jovens e adultos que não tiveram acesso ou que não deram continuidade de estudos no ensino fundamental e médio na idade própria, a Educação de Jovens e Adultos (EJA) era inicialmente frequentada por pessoas mais velhas, porém atualmente tem recebido um crescente público jovem (BRUNEL 2001, 2004) que, por motivos diversos, abandonam o ensino regular e, posteriormente, retornaram aos bancos escolares inseridos na EJA. Este fator vem mudando o perfil dos educandos desta modalidade de ensino (SZANTO, 2006). Embora muitas pesquisas sejam realizadas sobre a EJA, poucas são direcionadas no sentido de se compreender o porquê de jovens em idade para estudar no ensino regular estarem migrando para a EJA: O que os tem levado a optar por esta modalidade? Quem são estes jovens? Como foi a sua trajetória escolar? Por que não estão no ensino regular? Para tanto, foi investigado o perfil dos educandos de duas escolas no Município de Dourados/MS que oferecem esta modalidade: Escola Estadual Abigail Borralho e Escola Estadual Vilmar Vieira de Matos. Foi desenvolvida uma pesquisa, caracterizada como etnográfica (LÜDKE; ANDRÉ, 1986), que permitiu a utilização de várias técnicas de produção de dados. Diante dos resultados produzidos, foi possível traçar um perfil dos participantes da pesquisa, que são: jovens de classe média e baixa; 100% trabalham, de maneira formal ou informal, durante todo o dia; possuem uma trajetória escolar diretamente ligada ao ensino regular, marcada de sucessivas desistências e/ou reprovações; optaram pela EJA porque acreditam ser a maneira mais rápida e eficaz de atingirem seus objetivos pessoais e profissionais; 100% dos jovens possuem aspirações para o futuro e pretendem terminar a EJA, mas os motivos são os mais variados, e vão desde uma melhor colocação no mercado de trabalho até à aprovação em um vestibular. São jovens que sabem que estão vivendo em um momento da história no qual a educação tem grande valor social e econômico. Optaram pela EJA porque acreditam ser o caminho para recuperarem o tempo perdido e garantirem um futuro melhor.

Downloads

Publicado

24/05/2011

Como Citar

Machado, S. F. (2011). Educação de Jovens e Adultos: reconfiguração de um público. ANAIS DO SEMEX, 1(1). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/semex/article/view/68

Edição

Seção

EDUCAÇÃO