IMPLANTAÇÃO DE UMA HORTA NA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO MÉDIO PASCOAL LEITE DIAS – ALDEIA LIMÃO VERDE

Autores

  • Tauan Corrêa Golçalves
  • Stefanie Braga Duarte Arguelho
  • Ariély de Souza Leite
  • Deisy Lúcia Cardoso

Resumo

Os povos indígenas dedicavam parte do seu tempo em atividades relacionadas à alimentação, criavam animais, realizavam expedições de caça e pesca, coletavam frutos, folhas e raízes da natureza. Atualmente, com a aproximação da aldeia com a cidade, o acesso aos produtos alimentícios industrializados tornou-se uma opção mais prática. Porém deixaram de incluir em sua dieta alimentar produtos naturais como a mandioca, frutos, cultivares crioulas, passando a consumir produtos contendo conservantes, estimulando as futuras gerações a uma dieta desequilibrada e desestimulando as práticas culturais como caça, coleta e plantio, perdendo gradativamente seus costumes ancestrais e ocasionando o aparecimento de doenças como o diabetes, obesidade e a hipertensão. Com isso o presente projeto tem por finalidade a implantação de uma horta em anexo à Escola Estadual de Ensino Médio Pascoal Leite Dias, localizado na Aldeia Limão Verde, área indígena do município de Aquidauana, que se encontra na região Noroeste de Mato Grosso do Sul, representada pela etnia Terena, cuja população está estimada em aproximadamente 1200 habitantes. A horta foi implementada objetivando proporcionar aos alunos a prática de uma alimentação saudável, conhecimentos sobre a implantação e cultivo, que terão a oportunidade de repassar aos pais e familiares. Utilizou-se uma área de 450m2 (25x18m), para inicio do projeto houve a necessidade de se realizar a limpeza da área, os tratos culturais básicos foram feitos com o auxílio de enxada, enxadão e foice. Utilizou-se a adubação com adubos verdes, cuja semeadura foi realizada a lanço. Fizeram parte do projeto os adubos verdes, Crotalaria ochroleuca e Stylosanthes: S. macrocephala e S. capitata (cultivar: Estilosantes Campo Grande); posteriormente roçados e incorporados ao solo na época de floração. As mudas das hortaliças foram produzidas, na própria escola, a semeadura foi feita em copos plásticos descartáveis contendo substrato preparado com solo da região. Após a incorporação dos adubos verdes, os canteiros para plantio foram preparados manualmente, sendo levantados oito canteiros de 16x1,5m. As hortaliças foram transplantadas, sendo o alface no espaçamento de 0,7x0,7m, a salsinha em covas com espaçamento de 0,2x0,2m, a cenoura no espaçamento de 0,20x0,20m e a cebolinha no espaçamento de 0,20x0,20m. Todas as etapas do projeto contaram com o auxílio dos alunos e professores voluntários da própria escola. Concluiu-se que o presente projeto contou com o envolvimento da comunidade escolar, visto que, os alunos foram estimulados a participar do processo de implementação da horta. E espera-se que os ensinamentos passados contribuam na mudança em relação a alimentação saudável dos alunos indígenas da Escola Estadual de Ensino Médio Pascoal Leite Dias, e que estes repassarem os conhecimentos adquiridos aos pais e familiares, incentivando-os a adotar um hábito alimentar mais saudável.

Downloads

Publicado

01/04/2020

Como Citar

Golçalves, T. C., Arguelho, S. B. D., Leite, A. de S., & Cardoso, D. L. (2020). IMPLANTAÇÃO DE UMA HORTA NA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO MÉDIO PASCOAL LEITE DIAS – ALDEIA LIMÃO VERDE. ANAIS DO SEMEX, (12). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/semex/article/view/6797

Edição

Seção

MEIO AMBIENTE

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)