ANÁLISE DE ATIVIDADE PRÁTICA SOBRE MICROBIOLOGIA NO ENSINO FUNDAMENTAL II

Autores

  • Marco Aurélio Batista
  • Kymberly Fernandes Gadea
  • Suellen Rodrigues Martins
  • Mônica Mungai Chacur

Resumo

O objetivo deste trabalho foi desenvolver uma atividade prática sobre bactérias, fungos, líquens e protozoários para os alunos do sétimo ano, na Escola Municipal Weimar Torres em Dourados M.S., através do projeto de extensão “Atividades e práticas em zoologia” no qual participam graduandos do curso de ciências biológicas da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul de Dourados, M.S. Ao início foi aplicado um questionário no qual apurou-se que 90% dos alunos haviam participado muito poucas ou nenhuma vez de atividades práticas na escola e foi unânime o interesse em participar das práticas de ciências que, segundo os mesmos, gera aprendizado. Realmente este fato foi constatado pela grande participação e questionamentos, bem como nas respostas dos alunos, os quais todos conheciam bactérias e protozoários apenas por fotos ou informações de livros. Os fungos e os líquens já haviam sido observados na natureza e assim conhecidos pela maioria deles (65%). As atividades realizadas foram: visualização do protozoário ameba em microscópio, apresentação em data show sobre doenças e uso das bactérias, experimento com levedura para observação do processo de fermentação, manuseio e exploração de fungos e líquens, observação de cultura de fungos em pão e tomate, e preparo de cultura de bactérias em diversos ambientes da escola, escolhidos a critério dos participantes. Para todos os grupos biológicos foram ressaltadas a importância ecológica, econômica e interações antrópicas. A partir da análise de um questionário de percepção, dentre as atividades realizadas as mais apreciadas pelos alunos foram a observação da ameba ao microscópio (54%), a primeira experiência da maioria. Em segundo ficaram a apresentação de slides e discussões sobre as bactérias, totalizado 27%, por esclarecerem dúvidas sobre doenças e utilidades das bactérias. O preparo de cultura para crescimento bacteriano somado ao experimento da fermentação da levedura tiveram 19% de preferência, pela participação ativa no preparo dos mesmos. Apenas 60% dos alunos responderam a questão referente ao que menos gostaram na atividade. Destes, 42% citaram a apresentação de slides e discussões sobre as bactérias porque acharam a atividade demorada. Em seguida, 35% não apreciaram o manuseio e observação da cultura de fungos por não acharem atrativos e também pelo forte odor. Os demais 23% não gostaram da realização do experimento de fermentação da levedura e a coleta para cultura das bactérias, sendo está última constatada pelo grupo que escolheu coletar material no sanitário feminino da escola. Atividades práticas de ciências constituem um importante recurso metodológico facilitador do processo de ensino-aprendizagem ao instigar a curiosidade e o interesse do aluno, favorecendo uma aprendizagem significativa. 

Downloads

Publicado

01/04/2020

Como Citar

Batista, M. A., Gadea, K. F., Martins, S. R., & Chacur, M. M. (2020). ANÁLISE DE ATIVIDADE PRÁTICA SOBRE MICROBIOLOGIA NO ENSINO FUNDAMENTAL II. ANAIS DO SEMEX, (12). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/semex/article/view/6779

Edição

Seção

MEIO AMBIENTE

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)