A LEITURA E A ESCRITA NA PERSPECTIVA DAS CRIANÇAS MORADORAS DE UM ASSENTAMENTO RURAL

Autores

  • Cristiane Sulino Gonçalves
  • Débora de Barros Silveira

Resumo

Ensinar os alunos a ler e escrever é uma das principais tarefas da escola. A leitura e a escrita são importantes para que as pessoas exerçam seus direitos, participem da sociedade com cidadania, se informem e aprendam coisas novas ao longo de toda a vida. O presente trabalho teve como objetivo investigar o que as crianças, entre seis e doze anos de idade, que residem em um assentamento de reforma agrária e frequentam a educação escolar falam sobre o ensino e a aprendizagem da leitura e da escrita. Ao falarem sobre leitura e escrita, elas também relataram vários aspectos de suas vidas e sobre a escola. A metodologia utilizada foi composta por estudo bibliográfico e estudo de campo, este último constituído por entrevista com cinco crianças, a escrita de um diário relatando as atividades que realizam durante um dia em seu cotidiano e o preenchimento de um questionário. Identificou-se que todas afirmam gostar de ler e que lêem tanto na escola, como em suas casas. Sobre a escrita as respostas foram variadas, duas disseram que não gostam de escrever e três disseram que gostam. Na escrita todas elas apresentaram algumas dificuldades quanto aos aspectos fonológicos. Ouvir o que as crianças têm a nos dizer sobre a leitura, a escrita, a escola e suas vidas pode contribuir para o direcionamento de ações que visem à melhoria das instituições escolares existentes para recebê-las. Palavras-chave: Criança; Leitura; Escrita; Educação; Escola.

Downloads

Publicado

14/10/2015

Como Citar

Gonçalves, C. S., & Silveira, D. de B. (2015). A LEITURA E A ESCRITA NA PERSPECTIVA DAS CRIANÇAS MORADORAS DE UM ASSENTAMENTO RURAL. ANAIS DO ENIC, 1(1). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/enic/article/view/975

Edição

Seção

LINGUÍSTICA LETRAS E ARTES