ESTUDO CITOGENÉTICO EM EXEMPLARES DO GÊNERO Rineloricaria (Loricariidae, Loricariinae) DE AFLUENTES DO RIO TAQUARI, MUNICÍPIO DE COXIM, MATO GROSSO DO SUL

Autores

  • Elis Aparecida Morita Melo
  • Margarida Maria de Rossi Vieira

Resumo

A família Loricariidae apresenta 92 gêneros e 690 espécies, sendo que atualmente está dividida em sete subfamílias. Embora componham uma das maiores famílias de peixes do mundo e constituam também uma das famílias com maior número de relatos citogenéticos, ainda assim, é relativamente pouco estudada devido ao grande número de espécies que possui. Na subfamília Loricariinae, por exemplo, apenas exemplares dos gêneros Harttia, Loricaria, Loricariichthys e Rineloricaria foram analisados citogeneticamente. Para a região do Pantanal sul mato-grossense, não há relato na literatura sobre estudos citogenéticos envolvendo o referido gênero. Sendo assim, este trabalho objetivou a caracterização citogenética de Rineloricaria lanceolata. Günther, 1868, do Córrego da Onça, afluente do Rio Taquari, município de Coxim, Mato Grosso do Sul. Dos vinte e três exemplares analisados, doze apresentaram 2n = 46 cromossomos com quatro citótipos distintos. A técnica de Ag-NOR, para detecção das regiões organizadoras nucleolares foi aplicada para dois dos citótipos citados e observou-se marcação conspícua bem evidente envolvendo quase todo o braço curto e parte do braço longo do primeiro par de submetacêntricos e marcação subterminal do braço longo de um cromossomo do par de número doze (acrocêntricos). Com relação ao bandamento C para localização da heterocromatina constitutiva, observou-se pouca heterocromatina distribuída sob forma de um bloco bem evidente na região subterminal do braço longo do par de número sete. Três exemplares apresentaram 2n= 47 cromossomos com três citótipos distintos, sendo que o bandamento NOR revelou marcação intersticial no braço longo do par de número 5 (acrocêntricos) e marcação em praticamente todo o braço curto do par de número 1 (metacêntrico), apresentando assim o padrão de NOR múltipla. Com relação ao bandamento C esta revelou marcações na região intersticial no braço longo dos pares de número 10 e 11 (acrocêntricos), e o acrocêntrico pequeno sem homólogo revelou-se totalmente heterocromático, levando-se a inferir que se trata de um cromossomo B (supranumerário). Oito dos exemplares analisados apresentaram 2n=48 cromossomos, com dois citótipos distintos,sendo que o bandamento NOR revelou marcação pericentromérica coincidente com uma constrição evidente no par de número 8 (acrocêntricos) evidenciando NOR simples. Com relação ao bandamento C este revelou marcação no mesmo par da NOR, de número 8 e mais a marcação pericentromérica bem evidente no primeiro par de acrocêntricos. O presente estudo vem reforçar a hipótese de que rearranjos cromossômicos vêem ocorrendo no grupo e que a continuação de estudos citogenéticos são importantes para a elucidação dos mecanismos evolutivos que estejam ocorrendo no grupo. Palavras chave: Cariótipo. Bandamento NOR. Bandamento C.

Downloads

Publicado

14/10/2015

Como Citar

Melo, E. A. M., & Vieira, M. M. de R. (2015). ESTUDO CITOGENÉTICO EM EXEMPLARES DO GÊNERO Rineloricaria (Loricariidae, Loricariinae) DE AFLUENTES DO RIO TAQUARI, MUNICÍPIO DE COXIM, MATO GROSSO DO SUL. ANAIS DO ENIC, 1(1). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/enic/article/view/1159

Edição

Seção

CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE