REDUÇÃO DE SÓLIDOS EM ÁGUA RESIDUÁRIA DE SUINOCULTURA TRATADA EM BIODIGESTOR ANAERÓBIO

Fabiane Ortiz do Carmo Gomes, Nanci Cappi

Resumo


Objetivou-se avaliar a redução nos teores de sólidos totais e voláteis da água residuária de suinocultura após tratamento biológico anaeróbio. Utilizou-se biodigestor tubular com
capacidade de 67,5 m3 de substrato em fermentação. No período de janeiro a maio de 2009 foram realizadas coletas semanais da água residuária “in natura” (afluente) e biofertilizante (efluente) do biodigestor anaeróbio instalado no Setor de Suinocultura da UEMS/Aquidauana para realização das análises de sólidos totais (ST) e voláteis (SV), pH e temperatura. O tempo de retenção hidráulica (TRH) foi em média 45,8 dias. A redução média dos teores de ST e SV foi de 40,63 e 97,98%. Os valores médios de temperatura e pH observados foram compatíveis para o desenvolvimento satisfatório do processo de biodigestão anaeróbia (pH de 6,77 e 7,21 e temperatura 28,35 e 28,61 para o afluente e efluente, respectivamente). A taxa de redução de sólidos encontradas demonstram o alto potencial de degradação da água residuária de suinocultura e, conseqüentemente, alto potencial de conversão em biogás.

PALAVRAS-CHAVE: biofertilizante, dejeto líquido de suínos, TRH

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.