PERFILHAMENTO DO CAPIM-COLONIÃO SUBMETIDO A DIFERENTES FREQÜÊNCIAS E INTENSIDADES DE CORTE

Rafael da Costa Leite, Elson Martins Coelho

Resumo


As características da dinâmica de perfilhamento do capim-colonião (Panicum maximum Jacq.) foram estudas objetivando-se avaliar a influencia de diferentes freqüências e alturas de corte sobre essas características. O estudo foi realizado na área experimental da
Unidade Universitária de Cassilândia. O delineamento experimental adotado foi de blocos inteiramente casualisados com 3 repetições, em um arranjo fatorial 3 x 2 (três frequências – 28, 35 e 42 dias; e duas alturas de corte – 20 e 40 cm). Foram avaliados o número de perfilhos totais
(NT), numero de perfilhos com meristema apical eliminado (PME) e perfilhos novos na 1ª, 2ª, e 3ª semana após o corte. Após cada corte foi realizada a fertilização de N, com a aplicação de uréia, numa dosagem de 200 kg/ha/ano. Em relação ao perfilhamento foi evidenciado que o corte
mais freqüente promoveu maior aparecimento de perfilhos novos os quais surgiram na 2ª semana após o corte.

Palavras-chave: forragem, Panicum maximum, perfilhamento

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.