PRÁTICA DE LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO NA E.E. MARIA ELIZA BOCAYÚVA CORRÊA DA COSTA, CAMPO GRANDE, MS

Autores

  • Juliane Rodeigues Monteiro
  • Arianny Senturião Vaz

Resumo

Este trabalho visa apresentar os resultados das atividades desenvolvidas no projeto de iniciação à
docência com os estudantes do 4° ano do Ensino Fundamental, da Estadual Maria Eliza Bocayúva
Corrêa da Costa, localizada, na vila Margarida, em Campo Grande. A proposta teve como princípio
metodológico elaborar um diagnóstico das dificuldades de aprendizagem desses estudantes, a fim
de implementar práticas pedagógicas, a fim de desenvolver atividade que oportunizasse habilidades
de leitura, interpretação de texto e produção escrita. Um dos textos, trabalhados foi a fábula Os
bodes e a hiena, de autoria de Bob Hartman, com ilustração de Susie Poole. Esse texto foi lido em
voz alta com os estudantes, para posteriormente realizarem a produção de um texto contendo 10
(dez) palavras retiradas da própria fábula, das quais todas deveriam ser utilizadas, com no mínimo
de 10 (dez) linhas. Para compreensão da aprendizagem, como tarefa de casa também foi proposto
aos estudantes trabalharem a caligrafia, por meio de frases motivacionais. Os resultados dessas
atividades foram analisadas por meio das contribuições Vygotskyanas e evidenciaram que esses
estudantes ainda não estão aptos a elaborar uma produção de texto, de acordo com as normas da
língua culta, tendo em vista que esse aspecto, foi possível ser observado pela falta de conhecimento,
pois esses conteúdos não foram apreendidos nos anos anteriores de formação, ocasionado pela falta
de hábito de leitura e interpretação de texto, relatada pelos estudantes em sala de aula na atividade
em que foi realizada o diagnóstico dessa turma. No entanto, essas atividades, nos oportunizaram
identificar os desafios diante do processo de formação desses estudantes, visando oferecê-los
formas para que executem uma produção de texto, que esteja de acordo com as normas cultas da
língua, além de proporcionar conteúdos, fundamentados em textos científicos e literários e possam
ler e interpretar, de acordo com a idade e a série. Um dos aspectos constatados e que deve ser
considerado no histórico da formação desses estudantes é o distanciamento dos familiares durante o
processo de aprendizagem, o que provoca uma desmotivação e falta de interesse pelos estudos. Uma
das saídas encontradas pela Escola foi a inserção dos pais e/ou responsáveis em atividades que
possam contar com a colaboração deles, tendo em vista que a participação efetiva dos familiares
contribui para o crescimento individual de cada criança e jovem, nesse período.

Downloads

Publicado

26/11/2019

Como Citar

Monteiro, J. R., & Vaz, A. S. (2019). PRÁTICA DE LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO NA E.E. MARIA ELIZA BOCAYÚVA CORRÊA DA COSTA, CAMPO GRANDE, MS. ANAIS DO EGRAD, 6(9). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/egrad/article/view/6010

Edição

Seção

CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS