GLOBALIZAÇÃO E EVOLUÇÕES TECNOLÓGICAS A PARTIR DA INTERDISCIPLINARIDADE NO ENSINO MÉDIO

Autores

  • Wagner Galvão Ribeiro Filho
  • Raquel Queiróz Saravi da Silva

Resumo

Com o processo de globalização tecnológica nas comunicações e informações que ocorreram nos
últimos anos na sociedade, o ensino de Geografia no ensino básico tem se tornado um desafio para
os futuros docentes, os quais necessitam planejar aulas utilizando recursos tecnológicos apara atrair
a atenção dos alunos, a fim de proporcionar situações didáticas para a aprendizagem. Nesse sentido,
com o objetivo de planejar aulas que permitam aos alunos ter uma aprendizagem associando-a
conteúdos geográficos com disciplinas que também trabalham o conceito de globalização, as
influências entre os fenômenos globais e locais como determinantes da organização do espaço, da
divisão social do trabalho, e da influência da cultura de massa nas relações de consumo, assim como
nos interesses geopolíticos. Para tal, será aplicado no (PIBID) Programa Institucional de Bolsas de
Iniciação à Docência um projeto com caráter interdisciplinar, analisando o contexto desde uma
visão ampla, englobando as séries do 3º ano do ensino médio a este projeto. Busca-se neste projeto
elaborar uma feira na qual serão expostos equipamentos tecnológicos, hoje obsoletos, os quais
tiveram um impacto econômico, social e cultural no mundo globalizado. Os alunos serão
estimulados a pesquisar as origens de cada equipamento, sua utilização contextualizando o tempo,
as funções e a influência que os tais tiveram no progresso científico informacional da aldeia global.
Este projeto direciona-se aos alunos do 3º ano do ensino médio da escola Maria Constança de
Barros Machado, em Campo Grande, MS. O objetivo final deste projeto é trabalhar de forma
didática os conteúdos programáticos e de forma interdisciplinar, na qual serão trabalhados temas
relacionados a globalização, revoluções científica e tecnológica, além de questões envolvendo a
mundialização econômica e divisão do trabalho. O projeto dará autonomia aos alunos que estão
sendo formados para praticar a cidadania de forma que possam intervir nas decisões de interesse
social do seu lugar, praticando a sustentabilidade no exercício dos conhecimentos adquiridos
durante sua formação no ensino básico.

Downloads

Publicado

05/11/2019

Como Citar

Ribeiro Filho, W. G., & Silva, R. Q. S. da. (2019). GLOBALIZAÇÃO E EVOLUÇÕES TECNOLÓGICAS A PARTIR DA INTERDISCIPLINARIDADE NO ENSINO MÉDIO. ANAIS DO EGRAD, 6(9). Recuperado de https://anaisonline.uems.br/index.php/egrad/article/view/5990

Edição

Seção

CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS APLICADAS