A Pesquisa Sociolinguística: Breves Considerações

Elenides Francisco de Freitas, Raquel Santos de Souza Brites, Neidiane Alves da Silva Dutra

Resumo


A Sociolinguística é o estudo dos aspectos sociológicos da linguagem, ou seja, da função que desempenha a língua na manutenção dos papéis sociais numa comunidade dada. Neste sentido, a Sociolinguística considera que a Língua é inseparável do conjunto de regras e costumes característicos de uma sociedade, e que só pode ser descrita dentro desse marco sociocultural. Partindo dessas inferências, a proposta do Minicurso objetiva-se em apresentar alguns aspectos relevantes sobre a pesquisa Sociolinguística, pontuando alguns tópicos que compõem as etapas para o bom andamento da pesquisa. Como pressupostos metodológicos, o estudo será alanvancado por alguns autores que sustentam esta Ciência da Linguagem sendo eles: Fernando Tarallo (2007), Mollica (2015), Willian Labov (1972), Yonne e Callou (2005), entre outros. Como forma de apresentação, os conteúdos serão ministrados através de Slides, com os principais tópicos essenciais para o principio da realização da Pesquisa Sociolinguística. Nestes termos, as etapas que farão parte do minicurso se realizarão da seguinte forma: Introdução, Etapas da Pesquisa, a Comunidade de Fala, e algumas explanações a respeito da Pesquisa Variacionista. Encerra-se o estudo com algumas Considerações Finais, bem como todo aporte teórico que deu sustentabilidade para o estudo, que será demonstrado no referencial teórico. Neste sentido, espera se alcançar ao final do minicurso, outros pesquisadores do estudo da linguagem, sem menosprezar as demais temáticas, mas, considerando os Estudos Sociolinguísticos como uma nova proposta de pesquisa, a fim de agregar novos pesquisadores, e porque não considerar outros sujeitos leitores.

Palavras-chave


Sociolinguística; Comunidade; Labov; Pesquisa; Variação.

Texto completo:

PDF

Referências


BELL, Roger T. Sociolinguistics- Goal, Approches and Problems. London: B.T. Batsford. p.252

BORTONI-RICARDO, S. M. Educação em língua materna - a sociolinguística na sala de aula. São Paulo: Parábola, 2004.

CALLOU, D.; LEITE,Y. Como falam brasileiros. Rio de Janeiro: Zahar, 2002.

CALVET, L. Sociolinguística - uma introdução crítica. São Paulo: Parábola, 2002.

LABOV, William. Sociolinguistic patterns. 3. ed. Philadelphia: University of Pennsylvania Press, 1972.

MÉTODOS DE PESQUISA. [organizado por] Tatiana Engel Gerhardt e Denise Tolfo Silveira; coordenado pela Universidade Aberta do Brasil – UAB/UFRGS e pelo Curso de Graduação Tecnológica – Planejamento e Gestão para o Desenvolvimento Rural da SEAD/UFRGS. – Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2009.

MOLLICA, M. C.; BRAGA, M. L. (Orgs.). Introdução à sociolinguística - o tratamento da variação. São Paulo: Contexto, 2003.

MONTEIRO, J. L. Para compreender Labov. Petrópolis-RJ: Vozes, 2000.

TARALLO, Fernando. A pesquisa Sociolinguística. 8°. ed. São Paulo: Atica, 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Anais do Congresso de Pesquisas em Linguística e Literatura