Uma visão idealizada da mulher no poema “A Noiva”, de Jonas da Silva

Lucia Pereira Bezerra

Resumo


Neste trabalho, pretendemos realizar uma análise da visão idealizada da mulher no poema “A Noiva”, da obra Czardas (1923), de Jonas da Silva. Jonas da Silva é considerado um poeta simbolista de transição com tendência a outros estilos literários como o arcadismo, romantismo, parnasianismo e pré-modernismo. Em Czardas percebemos o pré-modernismo quando o poeta investe no mundo da Belle Époque conhecida em Paris como um período de luxo e transformações sociais e culturais, que chega ao Brasil em 1880 e perdura até 1925, influenciando vários poetas como Jonas da Silva que não dispensou em seus versos esse momento da história e urbanização de Manaus. Neste período de destaque ao belo, o poeta idealiza de forma amável uma noiva que corresponda aos seus objetivos: bela, frágil e submissa. Nosso propósito em analisar “A Noiva” é revelar o modelo de esposa a ser seguido pelas mulheres que desejavam se casar com o poeta, não apenas como um desejo machista dele, mas como reflexo das imposições da igreja católica e da sociedade vigente.  Para isso usaremos como contribuição às reflexões de Heloísa Lara Campos da Costa (2005), a respeito da história e os conceitos existentes em relação às mulheres na Amazônia do século XIX, e Simone de Beauvoir (1970) que faz referência aos estereótipos criados à mulher ao longo da história.


Palavras-chave


Análise; Poema; mulher idealizada; Jonas da Silva.

Texto completo:

PDF

Referências


BEAUVOIR, Simone. O segundo sexo: a experiência vivida. 4. ed. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1970.

COSTA, Heloísa Lara Campos da. As mulheres e o poder na Amazônia/Heloísa Lara Campos da Costa. – Manaus: EDUA, 2005.

MENDONÇA, Roberto. Blog do Coronel Roberto. Catando Letras & Escrevendo Histórias.

Disponível em: Acesso em: 20 ago 2019

MIRANDA, Antonio. Poesias dos Brasis. Disponível em:

Acesso em: 11 ago 2019.

PEDROSA SANTOS, T. DE LIMA; RAMOS, T. R. VOULEZ VOUS UN CAFÉ: CULTURA E CONSUMO NA MANAUS DO SÉCULO XIX-XX. Revista Arqueologia Pública, v. 12, n. 2, p. 51-70, 27 dez. 2018.

Disponível em: Acesso em: 20 set 2019.

SILVA, Francisco Gomes da. Poetas piauienses no Amazonas. Disponível em: Acesso em: 14 ago 2019.

SILVA, Jonas da. Czardas/ Jonas da Silva; organização Tenório Telles e estudo crítico por

Antônio Paulo Graça 2ª Ed. rev. – Manaus: Editora Valer, 1998.

SIMÕES, Junior, Álvaro Santos. Estudos de literatura e imprensa/Álvaro Santos Simões Junior. São Paulo: Editora Unesp Digital, 2014. Recurso digital. pdf


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Anais do Congresso de Pesquisas em Linguística e Literatura