INTEGRAÇÃO LAVOURA-PECUÁRIA: ASSISTÊNCIA TÉCNICA NO MANEJO INTEGRADO DE PRAGAS NA CULTURA DA SOJA

Elizandra da Silva Fialho, Ruth Teles Barbosa, Marcos Vinicius Barros Pinto, Francisco Eduardo Torres, Daniel Dantas Lopes, Massao Ohata

Resumo


A integração lavoura pecuária é uma alternativa para diversificação das atividades econômicas na
propriedade, pois minimiza os riscos de frustração de renda por eventos climáticos ou por condições
de mercado. A integração também reduz o uso de agroquímicos, a abertura de novas áreas para fins
agropecuários, possibilitando ao mesmo tempo, o aumento da biodiversidade e do controle dos
processos erosivos com a manutenção da cobertura do solo. Contudo, o manejo das pragas que
incidem sobre a cultura agrícola utilizada é alvo de grande preocupação dos produtores que
normalmente carecem de informações para o correto controle. Desta forma, este projeto teve como
objetivo a assistência técnica especializada aos produtores que iniciaram o sistema de integração
lavoura pecuária na região de Miranda, sobretudo no âmbito do controle de insetos pragas a fim de
minimizar a aplicação de inseticidas e possibilitar a redução de custos, aliando produtividade do
sistema agropecuário e a sustentabilidade do meio ambiente. O projeto foi executado em parceria
com o SENAR – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, que disponibilizou técnicos, veículos e
promoção dos eventos do projeto. O bolsista, acadêmico do curso de Agronomia da UEMS,
implantou e acompanhou o projeto mediante a supervisão de técnico do SENAR, do professor-
orientador e alunos do curso de pós-graduação em agronomia da UEMS de Aquidauana nas visitas
realizadas para assistência na fazenda no município de Miranda-MS. O projeto foi executado em
três fases: planejamento, execução e avaliação. Após visita inicial em uma propriedade, foi
elaborado o planejamento das atividades a serem desenvolvidas para melhorar as condições das
pastagens e da cultura de grãos, no caso a soja. Posteriormente, este plano de ação elaborado, foi
executado e ao fim do projeto, foi realizada a avaliação dos resultados alcançados mediante
entrevista aos produtores atendidos. Um dos grandes problemas encontrados pelos produtores que
têm aderido este sistema é o manejo inadequado de pragas, quando a cultura agrícola é implantada,
em função principalmente da pressão comercial que faz com que quantidades maiores de inseticidas
sejam utilizadas, podendo causar o aumento da resistência destas pragas, contaminando o meio
ambiente, além de aumentar o custo de produção. Foi realizado dia de campo na propriedade com a
participação de 200 pessoas, entre proprietários rurais, acadêmicos, canais de TV e diversas
autoridades do município de Miranda e redondezas, com uma das palestras do professor-orientador.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.