PERFIL DO CONSUMIDOR DE OVOS DE GALINHA NO MUNICÍPIO DE AQUIDAUANA-MS

Danilo de Souza Sanches, Elis Regina de Moraes Garcia, Laura Ramos de Ávila, Eduardo Dionísio Fernandes, Roberto Henrique Serra Franco, Gislaine da Cunha de Andrade

Resumo


O ovo é um produto oriundo de transformações biológicas realizadas pela galinha de postura que
tem a capacidade de converter fontes alimentares de baixa qualidade, em um alimento de alto valor
nutricional para consumo humano, fazendo dele o alimento mais completo para alimentação
humana, apresentando uma composição rica em vitaminas, proteínas, minerais e ácido graxos. Com
isso, o ovo tem um grande potencial para ser consumido, pois possui um preço acessível, além do
seu alto valor nutricional, tornando-o um alimento mais disponível. No entanto, o consumo de ovos
está diretamente ligado ao grau de conhecimento que as pessoas têm em relação ao produto que
estão consumindo. O estudo foi realizado com o objetivo de avaliar o perfil dos consumidores de
ovos do município de Aquidauana-MS. Foram entrevistadas diretamente 200 pessoas nos principais
supermercados do município mediante a aplicação de um questionário previamente definido. A
partir dos dados coletados verificou-se que a grande maioria dos entrevistados era do sexo feminino
(72,5%), com idade entre 21 a 40 anos (47,5%), com grau de instrução referente ao ensino superior
completo (28%) e renda individual de até três salários-mínimos (70%). Constatou-se que a maioria
dos entrevistados consome ovos semanalmente (56,5%), preferencialmente fritos (44%) e avaliam a
validade do produto na hora da compra (68,5%). A maior parte da população entrevistada optou
pelos ovos de casca vermelha (65,9%), embora não achem que a cor da casca afete no seu valor
nutricional (60,5%). Ainda que 54% dos consumidores entrevistados tenham afirmado que a cor da
gema influencia o valor nutricional do ovo, 60,5% não tem preferência por essa característica.
Observou-se percentual significativo (70,5%) de consumidores que não possuem conhecimento do
valor nutricional, mas que afirmam que o consumo de ovos não faz mal a saúde (67,5%). Para
aumentar o consumo dos ovos, os entrevistados relataram que a melhor apresentação do produto é
essencial. Embora a população entrevistada não tenha conhecimento voltado ao sistema de criação e
ao bem-estar das aves (70,8%), a maioria afirmou que essas informações são de suma importância
para os consumidores (92,3%). Com base aos resultados da pesquisa conclui-se que no município
de Aquidauana o consumo de ovos é relevante e que é importante levar informações aos
consumidores sobre os benefícios dos ovos e sobre o sistema de criação voltado ao bem-estar das
aves de produção, por meio dos rótulos das embalagens, assim como nos estabelecimentos de
venda.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.