CAMPANHA DE DIVULGAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DE SEMENTES DE CROTALÁRIA PARA O COMBATE DO MOSQUITO DA DENGUE

Ana Caroline Mello Arevalo, Ana Carolina Marinho Rossi, Carla Fernandes Santana, Simone Angélica da Costa Santos, Agenor Martinho Correa, Francisco Eduardo Torres

Resumo


A crotalária (Crotalaria juncea), leguminosa de ciclo anual e de porte arbustivo, é considerada uma
forma de combate ao mosquito da dengue (Aedes aegypti), vetor da doença, por atrair a libélula
(Sympetrum sp.), predador natural do mosquito. A dengue é uma doença causada por um vírus e se
tornou um dos principais problemas de saúde pública no mundo, sendo que no Brasil essa epidemia
atingiu praticamente todos os municípios. Por isso, com o intuito de informar a população, foi reali-
zado pelos discentes do Grupo PETAgro-UEMS (Programa de Educação Tutorial do Curso de
Agronomia, da Unidade Universitária de Aquidauana) uma campanha de divulgação e distribuição
de sementes de Crotalaria juncea para o combate do mosquito da dengue no município de Aquidau-
ana, Estado de Mato Grosso do Sul. O objetivo foi de divulgar e sensibilizar a população da impor -
tância do combate ao Aedes aegypti por meio da distribuição de sementes de Crotalaria juncea. A
campanha ocorreu entre os meses de abril a junho de 2016. Inicialmente realizou-se a divulgação da
possibilidade do uso da planta no combate biológico ao mosquito transmissor do vírus da dengue e
de outras doenças, informando como semeá-la e cultivá-la e sobre de que forma ela atua controlan-
do o mosquito. Com o apoio dos integrantes do grupo Rotaract Clube Universitário de Aquidauana
e acadêmicos do 4º ano do curso de Agronomia, as sementes foram distribuídas em envelopes, aos
acadêmicos da UEMS de Aquidauana, e depois na comunidade em geral, envolvendo as escolas do
município. Os resultados obtidos para a sociedade com a orientação foi a sensibilização da popula-
ção da importância de realizar o controle preventivo da dengue e, consequentemente, um dos fatores
da diminuição do seu efeito no município. Para a Instituição de Ensino Superior e o próprio grupo,
foi a oportunidade da prestação de serviços à comunidade na qual se inserem, com ações de cidada-
nia, para formar pessoas que aprendam a participar da vida coletiva de forma consciente. A ação foi
considerada como complemento da formação profissional dos petianos.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.