A DIVULGAÇÃO DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO PARA ESTUDANTES INDÍGENAS DO ENSINO MÉDIO: A NECESSÁRIA ARTICULAÇÃO DO ENSINO SUPERIOR COM A EDUCAÇÃO BÁSICA

Camila Pires de Sousa, Beatriz dos Santos Landa

Resumo


O acesso de indígenas aos três níveis de ensino teve um forte incremento após a promulgação da
Constituição de 1988, e no ensino superior, as cotas para indígenas, que também foram adotadas
pela UEMS na proporção de 10% em todos os cursos, vem ampliando o ingresso deste segmento
nas instituições públicas. Entretanto, ainda há um distanciamento entre as universidades que
possuem ações afirmativas e os jovens que estão concluindo o ensino médio no que se refere às
informações que poderiam ser repassadas para estes de forma a poderem escolher entre o grande
número de cursos atualmente disponíveis nas universidades do estado. O objetivo do projeto foi a
divulgação por meio de oficinas junto aos estudantes indígenas do ensino médio, para apresentação
dos cursos e os apoios para a permanência na instituição. A divulgação foi realizada nas escolas
localizadas nas terras indígenas de Dourados, Caarapó e Dois Irmãos do Buriti, sendo que além dos
estudantes participaram gestores/as e professores/as, onde foram repassadas informações gerais
sobre o SISU, cursos, locais, os tipos de bolsas ofertadas pela instituição, entre outras informações.
Foi produzido e distribuído aos/as participantes um folder com as informações mais relevantes e
que permitirão o acompanhamento do processo seletivo da UEMS. Esta experiência foi considerada
positiva tanto pelos estudantes do ensino médio quanto pelos estudantes da UEMS que
acompanharam as oficinas por meio de seus depoimentos da vivência acadêmica. Percebeu-se que
são necessárias mais ações visando informar de forma mais efetiva estudantes indígenas que estão
concluindo o ensino médio para que escolham mais acertadamente os cursos ofertados pelas
universidades.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.