NOMENCLATURA DE COMPOSTOS INORGÂNICOS

Micheli dos Santos Souza, Karoline Figueira Cruz, Lucry Marcos Mathias da Silva Filho, Giovana Silva Lima, Silas Helede de Carvalho, Josiane Silva Ferraz

Resumo


As características dos compostos inorgânicos estão relacionadas com a classe funcional à qual eles pertencem. Já a obtenção deles está associada às reações químicas necessárias para a sua formação. Os vários milhões de compostos inorgânicos estão muito presentes em nosso cotidiano, no veneno das abelhas, nos pigmentos das tintas, nas frutas, pães e bolos que comemos, nas lindas pérolas, nos produtos de limpeza e higiene, em fertilizantes, no sal de cozinha, nos antiácidos, no gesso que colocamos quando quebramos a perna, nos gases da atmosfera, nas baterias dos carros, e a lista é infindável. Além de ver onde essas substâncias estão presentes em nossa sociedade, por meio dos artigos desta subseção, você aprenderá as suas fórmulas, como realizar sua nomenclatura, como identificá-las e quais as reações que elas realizam. Na Química Inorgânica, também ocorre a separação das substâncias em classes de compostos que possuem características em comum. As principais funções da Química Inorgânica são os Ácidos, as Bases, os Sais e os Óxidos. Tais funções serão alvo de estudo no presente trabalho. Muitos compostos inorgânicos são sais, constituídos de um cátion e um ânion agrupados por ligação iônica. Tendo como objetivo proporcionar aos alunos conhecimento sobre as funções inorgânicas. Identificar, associar os íons corretamente e nomear os compostos inorgânicos. O trabalho foi realizado na escola Estadual Antonio Fernades, com os alunos do 1º ano do ensino médio no 4º semestre. No início da aula os alunos foram separados em grupos, com 5 integrantes cada um. O grupo recebeu o jogo roleta química e um de cada vez girou as roletas de cátions e ânions. Em seguida cada aluno teve que associar os íons obtidos para formar compostos e determinar a sua nomenclatura, para isso eles usaram a tabela de cátions e ânions disponível na página 212 e 213 do livro didático: ANTUNES, Murilo Tissoni, Química ensino médio Ser Protagonista Química – Volume1 – 2.ed. – São Paulo: Edição SM,2013. Exemplo: ânions Cl- e cátions H+ fórmula: HCl ácido clorídrico. Quando foi necessário terram o auxílio da professora e dos bolsistas do pibid. Grande parte dos alunos obtiveram bons resultados ao desenvolver o jogo. Na parte de montar os compostos e de dar os nomes. Pouca parte da sala, não conseguiu desenvolver o trabalho proposto e tiveram como auxílio os bolsistas do pibid. Os alunos fizeram grupos de 5 integrantes cada um. E cada integrante girava uma roleta de cátions e ânions, para poder formar o composto químico. Os alunos aprendem mais quando os professores levam para sala atividades lúdicas. Como o caso da roleta química, onde os alunos se interessaram e conseguiram identificar o composto, montar e dar sua nomenclatura. Isso estimulou os alunos do 1º ano com o conteúdo de inorgânica, onde obtiveram bons resultados.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.