LEITURA DE TEXTOS POÉTICOS EM SALA DE AULA PARA A FORMAÇÃO DE LEITORES

Williane Martini, Marcia Vilalba Arevalos Marques

Resumo


O presente pôster visa apresentar os resultados das atividades desenvolvidas no PIBID/ na Escola Estadual Carlos Henrique Scharader, Campo Grande, MS, nos 7º, 8º e 9º anos, com o objetivo de incentivar e naturalizar as habilidades de leitura de poemas em sala de aula com a finalidade de promover as habilidades de escrita dos estudantes. Com este trabalho, foi possível descobrir o conhecimento prévio dos estudantes sobre o texto poético, e dessa forma ampliar seu patrimônio intelectual por meio de atividades de leitura, escrita, interpretação, pesquisa e declamação. Baseamos-nos na teoria sócio interacionista de linguagem que segundo os estudos bakhtinianos, a linguagem é analisada a partir de interações entre indivíduos em momentos sociais, tendo em vista que a língua possui vida e se transforma constantemente pelo uso cotidiano. Segundo os estudos bakhtinianos, o trabalho poético possui interelação ao contexto social, pois não vemos o poeta escolher suas palavras de trabalho em um dicionário, mas o vemos escolher palavras embebidas em valores sociais. Dessa forma, os gêneros discursivos são representantes da cultura. Ao falar de escrita, podemos perceber que escrever é um exercício que se aprimora com a prática constante atrelada a prática de leitura, ou seja, leitura e escrita unidas colaboram para melhoria de interpretações e melhoras cabíveis ao texto. Assim, ao finalizarmos no segundo semestre de 2017, o projeto de leitura de poesia, esperamos que os alunos possuam grande melhoria em seu ritmo de leitura e escrita, ao mesmo tempo que os familiariza com um gênero pouco usado, hoje, na sala de aula. Nossos resultados foram, em suma, satisfatórios, pois educandos que não conseguiam antes ter uma leitura e escrita fluída, hoje conseguem ler e interpretar poesias básicas e ainda fazer suas próprias produções textuais. Concluímos, então que o projeto foi de grande valia nas séries em que foi aplicado, pois além da relação construída entre os estudantes e o gênero textual, foi possível observar uma melhoria e uma maior produção escrita no processo de formação.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.