DESAFIOS AO PROFESSOR DE GEOGRAFIA NA PRÁTICA DOCENTE

Vanja Campos Borges, Rodrigo Rocha da Silva, Nilton dos Santos Zanuncio, Roberto Ortiz Paixão, Walter Guedes da Silva

Resumo


Este trabalho está sendo desenvolvido na Escola Estadual Sebastião Santana de Oliveira na cidade de Campo Grande MS, no bairro José Abrão, sendo realizado no âmbito do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) com a turma do 1º ano vespertino. Muitas vezes somos inquiridos sobre o porquê estudar a Geografia, em como essa disciplina traria algo de relevante a nossa formação e ao mundo. Pois bem, a Geografia, como uma ciência sistematizada e interdisciplinar, tem como um dos seus objetivos de estudo, analisar o homem e o meio como partes integrantes de um único sistema que está em constante transformação, e sendo o homem considerado um agente modelador desse espaço interfere em muito no curso natural do processo de desenvolvimento humano. Para tanto, o papel do professor é primordial no processo ensino-aprendizagem dos alunos, e para que obtenham sucesso profissional é necessário ir além do livro didático, quadro e giz. É preciso estimular à imaginação a curiosidade dos alunos, levando-os a terem um senso crítico sobre as questões apresentadas, usando da própria experiência e entendendo o meio social e cultural em que estão inseridos, como forma de análise e percepção do mundo em que vivem. Para isso como prática no PIBID, estamos utilizando de leituras de jornais, revistas, vídeos, pesquisas fora da sala de aula, tornando assim, as aulas mais dinâmicas e interessantes, quebrando os paradigmas do método tradicional de ensinar e indo além, buscando a formação de indivíduos com conhecimento e também um cidadão de valores morais que saibam compreender a formação do espaço em que vive. Os resultados estão demonstrando uma boa resposta dos alunos no decorrer das aulas, podemos ver o desenvolvimento dos alunos durante as aulas, muitas vezes trazendo suas próprias inquietações para serem debatidas em sala, que tem enriquecido muito o processo de aprendizagem tanto individual quanto coletivo, tornando um trabalho prazeroso e com resultados estimulantes para darmos assim continuidade na dinâmica adotada em sala.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.